terça-feira, 27 de março de 2012

Mapa das regiões brasileiras

      Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste e Sul. Essa é a divisão regional do Brasil, segundo o IBGE. Essa divisão em macrorregiões, retrata as diferenças sociais e políticas do território brasileiro e traz o levantamento de dados e estatísticas do país.


      O Brasil é um país com enorme extensão territorial, apresentando uma área de 8.514.876 km². O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), é o órgão responsável pela divisão regional do território brasileiro. Para reunir estados em uma mesma região são utilizados critérios como semelhanças nos aspectos físicos, humanos, culturais, econômicos e sociais.


     O Brasil, passou por várias divisões ao longo de sua História:


Divisão em Capitanias Hereditárias
Divisão de 1913

Divisão de 1940
Divisão de 1942
Divisão de 1945
Divisão do Brasil de 1969
Divisão a partir de 1990
Atual divisão territorial do Brasil


      O Brasil é um país que sofreu diversas divisões, ao longo de sua história, em virtude das transformações econômicas e políticas. Atualmente ele está dividido em cinco macrorregiões que considera diversos aspectos geográficos,sociais e políticos, e procura retratar os fluxos econômicos entre as unidades federativas.existem várias propostas de criação de novos Estados e Territórios Federais pelo Brasil a fora.
     Todavia, são várias regiões brasileiras querendo autonomia político-administrativa, mais independência, e que poderão, se emancipadas, contribuir para que o país possa ter um novo desenho, um novo contorno territorial.


Proposta de atividades:
Objetivo:


Conhecer a atual divisão regional brasileira

Procedimentos
Após o estudo da divisão territorial brasileira em macro regiões:

1- Dividir a turma em cinco equipes e solicitar aos alunos que façam uma pesquisa sobre a representação cartográfica do país dividido em outras regiões brasileiras de acordo com a nova proposta e quais fatores contribuem para essa modificação;


2-Apresentação de cartazes confeccionados, fazendo comparação entre a atual divisão e a proposta de uma nova divisão;

3-Relacionar essa divisão com os interesses políticos e econômicos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário